quinta-feira, 21 de junho de 2012

RESENHA DA GUERRA FRIA

A GUERRA FRIA
PAZZINATO, Alceu L. e SENISE, Maria Helena V. A Guerra Fria. In:História moderna e Contemporânea. 14ª ed. São paulo: editora Atica, 2006. Cap.28. PP. 292 – 297.
_______________________________________________________________________

          Os autores tratam das discussões sobre a guerra fria, que se ocorreu nos anos de 1947 e 1991, onde enfoca a divisão do mundo em dois grandes blocos político-ideológico antagônicos: caracterizado por uma corrida nuclear entre duas superpotências, de um lado os países capitalistas liderados pelos Estados Unidos; e o outro os países Socialista liderados pela União Soviética. Tanto os Estados Unidos quanto a União Soviética colocaram a humanidade em risco pelo podre de destruição das armas nucleares, ou seja, foi uma época que a população mundial viveu em choque, medo acabando só no ano de 1991, quanto desapareceu a superpotência comunista, o fim da guerra fria.
          Durantes esses 44 anos de disputas ocorreu vários fatores que marcaram a guerra fria, sendo o principal o egoísmo das superpotências para dominar o mundo, ou seja, ter em seu favor e poder explorar as riquezas, os Estados Unidos criou plano para a recuperação dos países europeus que estavam arrasados pela segunda guerra mundial com medo do avanço comunista e poder continuar a explorar aquela região, os países comunistas não recebeu este auxilio. A União Soviética como reação criou o comitê de informações dos países comunistas, para dissolver os compromissos afirmados com as superpotências capitalistas durante a guerra e criou o Conselho para Assistência Econômica Mútua para a reconstrução dos países comunistas destruídos pela segunda guerra.
          Há vários outros acontecimentos aconteceram por causa da guerra das duas potencias mundial a construção de muro de Berlin para separar Alemanha comunista da Alemanha capitalista. A divisão da Correa para separar o capitalismo do socialismo. Houve também vários conflitos localizados por todo o mundo, que tanto os Estados Unidos como a União Soviética financiavam estes conflitos, mas não se envolvia diretamente, sendo um acordo afirmado entre as superpotências, sendo uma exceção a guerra do Vietnã.
          Como podemos notar a guerra fria foi uma briga para a conquista de territórios e domínio das riquezas por duas potencias da época, onde as maiorias dos países estavam destruídas pela segunda guerra mundial e em busca de sua independência em diversas partes da Ásia e áfrica que eram dominados pelo imperialismo.

                                                                                                                                Luciano Ulatoski

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário